Eu avisei que iria me aproveitar desse BEDA para testar conteúdos para o blog e cá estou eu fazendo testes e esperando que você curta comigo e nada melhor para curtir do que música né?

Agora imagine só se a música em questão for inspirada em uma obra da literatura? Pensando nisso separei cinco músicas que fazem referências ou foram feitas por causa de alguma obra literária e uma música bônus, que não foi inspirada em uma obra literária exatamente, mas que mereceu estar aqui como bônus, juro que vocês vão entender.

Sem mais enrolação, vamos lá!

Admirável Chip Novo

O primeiro disco da banda Pitty, intitulado “Admirável Chip Novo” possui diversas influências literárias, como a do filósofo inglês Thomas Hobbes na canção “O Lobo” quando é citada sua célebre frase “O homem é o lobo do homem”, porém a referência literária mais evidente é a do escritor inglês Aldous Huxley, especificamente de seu maior sucesso “Admirável Mundo Novo”.

O disco como um todo casa muito bem com a obra de Huxley, o livro mostra uma sociedade robótica, alienada, controlada por castas e totalmente manipulada e a banda traz todo esse conceito “Pense, Fale, Compre, Beba, Leia, Vote, não se esqueça! / Use, Seja, Ouça, Diga, Tenha, More, Gaste e Viva” já trazidos pelo autor, com contestações pertinentes a esse mundo distópico que se prova a cada dia não ser tão distópico assim. “Mas lá vem eles novamente, eu sei o que vou fazer: Reinstalar o Sistema!”

The Resistance

“The Resistance” é o quinto disco lançado pela banda Muse, e ele possui um conceito que faz referências a tratamentos de controle mental e experiências com seres humanos, há até mesmo uma faixa chamada “MK Ultra”, que foi um código dado a um programa ilegal e clandestino de experiências em seres humanos.

Você já conseguiu descobrir de qual obra literária eu estou falando? A faixa “The Resistance” que dá nome ao disco, foi inspirada em nada menos que a obra prima de George Orwell “1984”, uma obra também distópica que mostra o controle sobre o ser humano da forma mais cruel possível, o controle mental, a privação dos sentidos, a humilhação e a degradação dos aspectos humanos e a canção da banda Muse apresenta a única coisa que pode enfrentar e resistir a tamanha ameaça, descubra o que é escutando essa música maravilhosa!

Senhor das Moscas

Mais uma música nacional por aqui, dessa vez da banda baiana Cascadura que infelizmente encerrou suas atividades em 2015! A referência está óbvia pelo título, a canção “Senhor das Moscas” do disco “Bogary” foi influenciada pela obra homônima de William Golding.

Em “O Senhor das Moscas”, Golding retrata a regressão à selvageria de um grupo de crianças inglesas de um colégio interno, presos em uma ilha deserta sem a supervisão de adultos, após a queda do avião que as transportava para longe da guerra. Assim é apresentado ao leito a natureza do Mal, que é exemplificada pelo crânio de um porco que refere a sim mesmo como “O Senhor da Moscas” que é uma tradução literal do nome hebraico de Ba’alzevuv (Belzebu), referência ao personagem bíblico.

Confiram o registro ao vivo da canção de Cascadura com participação da cantora Pitty.

Body Electric

A quarta canção dessa lista é do segundo disco da cantora Lana Del Rey, a canção “Body Electric” é uma referência clara ao poema “I Sing the Body Electric” de Walt Whitman.

Lana consegue capturar toda a essência do poema maravilhoso de Whitman e nos proporciona uma experiência no mínimo transcendental com sua música.

Hallelujah

Quem não conhece a canção “Hallelujah” de Leonard Cohen? A música é simplesmente um clássico e também é baseado em um clássico, você consegue dizer qual é?

“Hallelujah” é inspirada na história de Davi e Bate-Seba misturada com a história de Sansão e Dalila, sim, essa linda canção foi inspirada na Bíblia Sagrada.

Nera

Durante a noite de 18 de julho de 64, ocorreu em Roma um incêndio que devastou a cidade, o fogo se espalhou depressa e Roma ardeu por cinco dias. Até hoje não ficou clara a causa do incêndio, porém há teorias de que foi o próprio Nero, Imperador de Roma que causou-o com o objetivo de reconstruir a cidade ao seu gosto.

Foi se utilizando desse fato histórico que o cantor e compositor Jay Vaquer se inspirou para criar a canção Nera, utilizando os elementos do incêndio e do crédito dele ter sido atribuído ao imperador, para criar uma canção de amor simplesmente maravilhosa!

Espero que tenha gostado da minha lista e das músicas, todas as que foram citadas aqui são músicas e livros que eu realmente aprecio, espero que você aprecie também comigo!

Até o próximo café 😉

Anúncios